Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MUSICPORTUGAL

Um novo conceito de Música / A new concept of Music

(INFONEWS) Diogo Piçarra retira-se do Festival RTP da Canção

Diogo Piçarra venceu, no domingo, a 2ª semifinal do Festival RTP da Canção 2018 com a música "Canção do Fim" que, segundo Diogo, é uma crítica generalizada à sociedade dos nossos dias. A prestação do Diogo mereceu a pontuação máxima por parte do público e do júri.

 

 

Horas depois de ter ganho o festival, surgiu uma informação de que a música se assemelhava com uma música evangélica de 1979 da Igreja Universal do Reino de Deus. Logo depois das suspeitas terem vindo a público, Diogo Piçarra escreveu um comunicado onde se lia:

 

"A simplicidade tem destas coisas e só quem não cria arte é que nunca estará nesta posição. Faz parte da vida de um compositor e é algo que todos nós iremos “sofrer” a vida toda. A ideia para a “Canção do Fim” surgiu-me em 2016, juntamente com muitas outras do meu mais recente disco “do=s”. Mantive-a guardada por achar algo especial, no entanto, a sua simplicidade e a sua progressão de acordes não é algo que não tenha sido inventado, tal como tudo na música. E é engraçado como a vida tem destas coisas, coincidência divina ou não, e perceber que a Internet é o verdadeiro juíz dos tempos modernos. Aclama mas também destrói. A minha consciência está tranquila na medida em que eu próprio sou quem está mais surpreendido no meio disto tudo: nasci em 1990, não sou crente nem religioso, e agora descobrir que uma música evangélica de 1979 da Igreja Universal do Reino de Deus se assemelha a algo que tu criaste, é algo espantoso e no mínimo irónico. Desconhecia por completo o tema e continuarei a defender a minha música por acreditar que foi criada sem segundas intenções. Como disse, a simplicidade tem destas coisas, e as melodias na música não são ilimitadas. Nunca participaria num concurso nacional com a consciência de que estava a plagiar uma música da Igreja Universal. Teria agarrado na guitarra e feito outra coisa qualquer. Afinal as pessoas “quando olham, vêem tudo”, no entanto, só o lado mau que procuram destruir. Mas, infelizmente, informo que isso nunca acontecerá."

 

 

Por causa de toda a polémica em redor da música "Canção do Fim", Diogo decidiu desistir do Festival da Canção.

 

O Diogo tem ao longo dos últimos anos presenteado a música portuguesa com alguns dos seus maiores sucessos, canções que vão ficar na história. Todos que o conhecem, ou testemunham apenas um concerto, sabem toda a entrega, paixão e honestidade que coloca em cada minuto da sua música. O Diogo jamais colocaria em risco a sua brilhante carreira, conscientemente, perante um concurso com repercussão nacional e internacional. Toda a polémica que se criou fez com que o Diogo decidisse retirar-se do Festival da Canção. É uma decisão difícil e corajosa, mas na qual a Universal se revê e se orgulha. A Família é para sempre.

 

Lê aqui o comunicado de Diogo Piçarra nas redes sociais:

 

28071054_1635895393154035_2536749387658896429_o.jp