Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

MUSICPORTUGAL

APOIAMOS O TALENTO NACIONAL! 🇵🇹

29.05.20

FIRGUN - MANDRIÃO [com letra]


Tiago Ferreira

Escravos na praia

Cospem carvão

Incêndio ausente

De inflamação...

 

Se há vontade

Há confissão

Se estás confuso

É perturbação...

 

Então quem és?

Levanta os pés...

Mostra que cresce algo em ti!

 

Oh, seu Mandrião!

Vais mexer o corpo ou não?

Vais cair na ilusão

De latir pra ninguém?

Se eu fosse o teu pai

Se (eu) fosse (eu a / a) tua mãe

Encontrar-te-ia vontade

Pra seres vontade de alguém!

 

Noites em claro...

Se reparares, eu não paro...

Se respiras e desistes, insistes

Em dar um momento mais caro

 

Se for em ti a ausência

Dessa solene violência

De uma atacante imprudência

Em que varremos a trote a consciência...

 

E eu não sei,

Se só és teu...

E eu não sei,

Se não valeu...

E eu não sei,

Se já morreu...

Essa graça, desgraça

Que deu bem mais traça

A quem tanto enlaça

A farsa de quem venceu...

 

Oh, seu Mandrião!

Vais mexer o corpo ou não?

Vais cair na ilusão

De latir pra ninguém?

Se eu fosse o teu pai

Se (eu) fosse (eu a / a) tua mãe

Encontrar-te-ia vontade

Pra seres vontade de alguém!

 

 

firgun_mandrião.jpg

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.