Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MUSICPORTUGAL

Um novo conceito de Música / A new concept of Music

Boss AC volta com novo EP, “Patrão”, nas lojas digitais no dia 27 de abril

“Não estou de volta porque nem cheguei a bazar”. Esta é a frase com que Boss AC descreve o seu novo EP, “Patrão”, editado seis anos depois do álbum “AC Para os Amigos” e que aponta luzes para o novo álbum que será lançado posteriormente. O EP “Patrão” é editado já no próximo dia 27 de Abril e é apresentado pelo single “Queque Foi”.

 

Apesar de afastado das edições durante algum tempo, Boss AC nunca parou de compor e escrever novas músicas, até perceber qual a altura certa de as lançar e mostrar ao mundo. Agora é o momento.

 

Patrão” é o cartão de visita do próximo álbum de estúdio e o título não é, obviamente, um acaso. “No álbum anterior, ‘AC Para os Amigos’, quase que passei o ‘Boss’ para segundo plano. Agora faço o oposto, rendi-me às evidências – é assim que as pessoas me conhecem. O nome é mais do que natural. Sou o Boss AC, as pessoas conhecem-me por ‘Boss’. Daí o título do EP: ‘Patrão’”.

 

Neste EP, Boss AC volta a trabalhar com os “irmãos e companheiros de estrada de longa data”, os Black Company, que com “o super-talentoso” DJ Ride juntam-se ao rapper no tema “Verdadeiro”: “Uma viagem pela história do hip hop português no qual contamos como nos apaixonámos por esta cultura e um pouco do nosso percurso”, descreve.

 

O álbum que Boss AC está a preparar segue um conceito, ligado às ideias de “ontem, hoje e amanhã”. “Ontem” porque tem-se inspirado no seu primeiro álbum, “Mandachuva”, e quer homenagear as origens do hip hop e todos aqueles que o inspiraram a ser MC. “Hoje” porque continua a fazer uma música actual e bastante relevante nos nossos dias, sem perder a sua essência. “Amanhã” porque Boss AC tem sempre “os olhos postos no futuro”: “Sempre acreditando que os meus maiores sucessos e realização estão ainda por vir”.

 

Esse conceito está bem ilustrado no primeiro single do EP “Patrão”, “Queque Foi”, que espelha a enorme vitalidade de Boss AC.

 

bossac.jpg