Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

MUSICPORTUGAL

Um novo conceito de Música / A new concept of Music

Álbum da Semana #8: Salvador Sobral - Paris, Lisboa

Paris, Lisboa” é o novo disco de Salvador Sobral. Está já disponível em formato CD em todas as lojas e nas plataformas de download e streaming, em formato digital.

 

Um notável conjunto de canções que confirmam o cantor e letrista como uma voz maior ─ pelas opções musicais e estéticas; pelo cuidado na escolha das letras e nas colaborações; e sobretudo pela capacidade e enorme fôlego, com que se dá às canções.

 

Ao longo do disco, Salvador Sobral consolida a sua visão de música e mundo. O jazz é a sua linguagem de base, em permanente experimentação com a pop ou a música tradicional (da contaminação do cante em “Mano a Mano” ao uso do Rajão, um dos tradicionais cordofones madeirenses ou aos tambores, em “Anda Estragar-me os Planos", ou aos ecos dos bombos de Lavacolhos em “Playing with the wind”) ou até com a música clássica.

 

A capa do disco traduz a viagem sem partida nem chegada que procura uma ligação eternal entre Paris e Lisboa. Mas não é apenas isso. Tal como o nome do disco, a capa é também uma homenagem de Salvador Sobral ao clássico de Wim Wenders, o filme "Paris, Texas". A fotografia é da autoria de Ana Paganini.
 
O álbum produzido por Joel Silva conta com 7 canções em português, das quais resultam dois duetos com convidados de luxo. São dois cantores por quem Salvador Sobral nutre uma grande admiração: António Zambujo numa nova versão de “Mano a Mano” e Luísa Sobral com uma canção de autoria da própria - “Prometo Não Prometer”.

 

 

salvadorsobral.png

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.